Como funciona a célula ou sensor de oxigênio.

maxtec max 10

As células de oxigênio ou sensores de oxigênio são componentes elétricos que medem a concentração de oxigênio (O2) no gás analisado.

Originalmente a células usavam ceramica de zircônia (oxido de zircônia) revestida com dois eletrodos de prata. Se funcionamento é baseado no principio da célula de combustível de estado sólido, também conhecida como celula ou pilha de Nernst. Entre dois eletrodos porosos (para dar passagem ao ar ambiente) existe um disco de óxido de zircônio. Este material tem propriedades semicondutoras onde os portadores de carga que estabelecem a corrente são íons de oxigênio. Os dois eletrodos geram uma diferença de tensão correspondente a quantidade de oxigênio relativa na amostra de gás atmosférico que esta sendo medida.

 

estrutura-sensor-de-oxigenio

As células de O2 possuem várias aplicações, como: detectores de vazamento de gás que verificam quando a concentração de oxigênio do ambiente sofre alterações, é usado em medicina para controlar o percentual de oxigênio em pacientes com problemas cardio respiratórios e em mergulho recreacional e profissional para medir o percentual de oxigênio dentro dos cilindros de mergulho.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *